quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

NADANDO CONTRA A CORRENTEZA


Por- Mariângela de Lourdes Coutinho Souza Silva
dmariangela09@yahoo.com.br
Imagem- Mariângela


Nadando contra a correnteza... Essa é a sensação que muitos devem sentir em nosso país: como continuar com sua honestidade , sua valiosa intimidade com um ser digno? 
É... nademos mesmo contra a correnteza da corrupção, não nos esquecendo que esse primor da dignidade nos faz cidadãos tranquilos e felizes, mesmo cansados de tanto nadar!
O que importa é viver com VIDA! Sentir o pulsar de ser um ser humano verdadeiro...
Somos talvez poucos, mas existimos - e do mesmo modo que a corrupção contagiou a tantos, podemos também lançar nossos ideais de vida e fazê-los um vírus potente que a ninguém deixará de contaminar!
Existem as leis dos homens... talvez nem tantos a sigam e percebam... mas, as Leis Divinas são as que nunca deixam de existir e trazer consequências!
Nademos sim contra a correnteza, sejamos fortes, sejamos a certeza de que ser justo, digno, correto e de ideais sempre nos revela uma estrada bem melhor, com o maior sucesso do mundo: - a consciência tranquila!

Boa noite, feliz quinta-feira!

Mariângela



quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

NÃO ERA PRA SER!


Por- Mariângela de Lourdes Coutinho Souza Silva
dmariangela09@yahoo.com.br
Imagem- Itatiaia- MG - Mariângela

Caros leitores,

Foi necessário parar, ainda não descobri o porquê totalmente, mas uma coisa sei: oportunizou-me a compor várias músicas e por isso aplaudo o meu sumiço momentâneo de meu blog, mesmo ter afirmado a todos que havia voltado!
Mas entender o nosso próprio processo de vida é importante, portanto, ausentei-me e hoje uma vontade imensa de retornar aconteceu em mim, recomeçarei, então:
Boa noite a todos e feliz quarta feira, leitores!

Mariângela

Na travessia da vida há caminhos, não caminhos, muitos, poucos ou nenhuns encontros...
precisamos compreender que nada do que nos acontece é por acaso: há respostas constantes em nós e por nós!
Somos alunos indisciplinados e muito tolos vez por outra: sabemos onde encontrar nossas respostas, nossos porquês que inundam nossa alma.
Mas por que nos deixamos ir conforme as ondas de quase todos?
A resposta é simples: o fácil atrai a tantos, e o fracasso, quem sabe não  chegará?
Ah, claro que todas as respostas virão e que tudo o que semearmos um dia colheremos: somos nossa essência, tanto positiva quanto negativa!
Mas podemos nos aprimorar, ir tornando nosso ser cada dia melhores!
Mas isso dá trabalho, exige muita resistência - e ser forte é para poucos? - Não, é para todos aqueles que realmente desejam e regam seu ser de verdadeiras histórias!
Quantos vivem em um conto de fadas fajuto e fazem desse conto a sua história, a grande mentira de si mesmo...
Se não era pra ser, ainda assim, tentemos, pois o fato de tentarmos implica em nosso vigor perante o universo e nós mesmos!
Sabemos de cor  que somos Luz, que o poder está em nós , pois então? Empreguemos  nossos dons,, nossos estudos constantes, nossas chances,  reguemos nossos temperamentos , nosso saber, nosso acreditar que nunca estamos sós!
A cada dia, uma história melhor, num capítulo inovador do viver!
se lhe parece difícil creia nessa verdade: - o que passou não existe mais, somente em sua mente que teima em passar o filme novamente e o fazer envelhecer antes da hora!
É tempo de se engrenar na mudança que já chegou, de desabrochar na flor de sua consciência, de recuperar-se, inovar-se rejuvenescer!
Aqui todos somos um, e em seu ser? Há compartilhamento com todos e o universo?
Tudo e todos forma uma corrente imensa ou de Luz ou de escuridão!
Comecemos a iluminar o mundo, repassando essa Luz para outros, alguns lugares, alguns corações...
Realmente, poucos sabem que se é o que se possui.
Captem os sons da paz, a Luz do amor, a dedicação à unidade e à suas capacidades sutis de serem mudanças constante!
Não era pra ser, deixa ser agora, o tempo que durar, não importa... dê tempo de ser o seu tempo, a sua morada, o seu bem estar!
Entregue-se à calmaria de existir e boa viagem!

Mariângela

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

SEJA PARAÍSO


Por- Mariângela de Lourdes Coutinho Souza Silva
dmariangela09@yahoo.com.br
Imagem- Mariângela

"Estar alegre é circunstancial.
ser alegre é qualidade.
estar alegre é arco-íris.
Ser alegre é o paraíso.
O arco-íris é o momento.
o paraíso é o modo de vida." 

(Lauro Trevisan)

Algumas pessoas carregam em si o paraíso - talvez porque saibam  sobre o efeito da gratidão!
Quem não consegue ser grato jamais encontrará o tão falado "paraíso" que nos conduz à felicidade!
Mas nada nos leva a ser felizes! Ou somos ou não somos!
A felicidade  nem uma conquista é! 
Para quem ama a vida ela existe em si sem fazer força, sem evocá-la, sem pensar tanto nela!
A felicidade  se instala em nós quando somos o paraíso!
E ser paraíso é contentar-se com tudo o que cada momento nos oferece.
Não há o que esperamos, mas o que o universo prepara para nós!
O Criador nos prepara para que sejamos fortes, sensíveis, gratos, felizes! 
E essa preparação só cabe em quem tão imenso é para ser feliz com tudo, encontrando em detalhes que muitas vezes poucas pessoas percebem, as minúsculas partículas desse paraíso!
Ser paraíso é inclinar-se à humildade, resgatando na mente o sabor de cada momento, cada ilusão, cada realidade!
Não tema em ser paraíso, abra as portas de sua mente e prepare-se feliz para cada dia!
Pense que ser feliz é receber o doce da vida em pacotinhos mínimos, a fim de que procuremos mais e mais enxergar a vida no ângulo da espiritualidade!
Portanto, caros leitores, atuem-se  habituem-se a serem paraísos atentos e agradecidos, para sentirem-se imensamente felizes por circunstâncias pequenas, onde só o paraíso magnetiza essa sensação inebriante de SER FELIZ!


Sejam felizes, leitores!

Mariângela




quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

SABER X SENTIR


Por- Mariângela de Lourdes Coutinho Souza Silva
dmariangela09@yahoo.com.br
Imagem- Tiago Cunha ( Ouro Preto - MG )

Aulas começando  e professores com seu saber... mas será que em cada mestre existe o sentir?
Todo docente deve aprimorar-se em seu experimento de seu sentimento: como se fosse uma arquitetura antiga, mas reformulada e moldada pelo tempo que passou juntamente com toda poesia existente nela!
Devemos possuir sim nossas bagagens culturais- cada um com seu tempo, mas não nos perdermos de nossa delicadeza gentil.
Saber instruir é doar-se e regenerar-se de tanto compreender, objetivando a técnicas e meios diferenciados para indivíduos que também possuem sua singularidade...
Ser professor é despertar-se para compreender o nascer do sol de cada um.
Ser sensível o suficiente para caminhar ao lado de quem deseja aprender, mostrando a esse aluno que há muito mais que uma simples explicação: - há a compreensão do outro, o vislumbre de seu ser totalizado, para que fique registrado em sua vida a sua morada interna de ser um mestre gentil que alcança o coração de muitos...
Ah, que muitos julguem utopia, mas não é!
O ser humano só é inteiro quando divide-se com outros, quando inspira-se em outras emoções e associa-se a todo arco-íris de evolução de seus alunos!
E dessa quantidade de cores, com o tempo, tudo vai ficando com a mesma cor, sem diferença de intelecto: apenas todos iguais no aprender - porque houve a junção de todos, apesar de suas diferenças!
Eis a magia de formar pessoas: descobrir-se mais um pouco nas desvendadas almas alheias!
por isso, professores, unam sempre seu saber com r!seu sentir. Adocem-se , murmurem os ensinamentos para que evoluem em si e transbordem em outros...
O sentimento é a primeira porta a ser aberta em nós quando educadores: assim, todas as portas, mesmo que com arquiteturas pesadas, serão abertas para penetrarem os raios dourados do saber!

Feliz quarta-feira, leitores!

Mariângela



terça-feira, 31 de janeiro de 2017

SE DEMORAR...


Por- Mariângela de Lourdes Coutinho Souza Silva
dmariangela09@yahoo.com.br
Imagem- Mariângela


Se demorar muito o que tanto deseja, sinta-se nas nuvens...
se o amor ainda não chegou, deitado em uma nuvem macia pode observar o tempo passar...
Se o perdão não aconteceu, em cima de uma nuvem pode sentir-se tão pequeno a ponto de perdoar a falta de perdão...
Se o emprego ainda não pintou, de cima de uma nuvem pode fazer outros projetos: melhores e com mais calma!
Se não floresceu seu entendimento por qualquer acontecimento, em cima de uma nuvem pode procurar os pequeninos seres que se acham grandes como você: pois a grandeza vem da mente e da alma que se faz crescer permanentemente...
Se não acredita em Deus, sentirá uma brisa que o responderá silenciosamente a razão pela qual deita-se tão tranquilamente sobre uma nuvem: -esse é seu Deus!
Se os medos são muitos e o amarram em solidão e prisão domiciliar, deitado em uma nuvem pode reconhecer-se como o ser mais seguro do Universo!
Para estar flutuando em nuvens é necessário voar através da alma, sentir-se pleno num momento só seu: o presente!
Que nada ao demorar o abale tanto quanto o medo de cumprir aqui o que nos cabe!
Que nada feche seu peito para experimentar a paz e o bem...
Que nada seja traumatizante tanto quanto o desamor que mata!
Que nada o perpetue mais que a realidade de um grande amor!
E se demorar demais, pode crer: as- emoções do presente serão mais intensas e duradouras...
Pois bem,  aproveite estar nas nuvens, confiante em si mesmo e pronto pro acontecer!

Feliz terça-feira, leitores!

Mariângela

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

O ÊXITO DO BEM



Por- Mariângela de Lourdes Coutinho Souza Silva
dmariangela09@yahoo.com.br
Imagem- Mariângela

Na essência do bem nada há de interferências negativas...
Para todo bem que lançar ao Universo
Notas musicais de Deus ocuparão a orquestra da vida!
Acredite nessa força, em sua atitude de reconhecê-la:
e um novo mundo acontecerá!

Não espere de outros o que pode fazer com coração puro,
Gestos sutis, pensamentos limpos:
Há uma estrela que brilha sobre você.
Faça-a brilhar! Mesmo que em total escuridão!

Sua felicidade  é o seu empenho de viver assim:
Numa alegria que só você descobre, poucos talvez entendam...
Mas, como nobre cidadão do bem, entende com precisão
Que seu contentamento vem da alma simples
Que mesmo que sofra, ainda assim,
Solta-lhe ao rosto o sorriso de esperanças...

Pois o êxito do bem é a essência da felicidade nobre
Que como rainha, desliza-se
No solo de quem  soberanamente 
Salta-lhe a fragância da alegria
Em meio às tristezas
Perfumando seu ser!

Perfume-se na constância de cada bem:
Deixe-se flutuar de paz, amor
E encontrará em meio a tantas ocasiões
Um dos melhores elixires da vida:
O de abençoar o seu viver
 No  bem tão próximo que lhe cabe ser!


Boa tarde, leitores! 
feliz segunda-feira!

Mariângela

domingo, 29 de janeiro de 2017


Por- Mariângela de Lourdes  Coutinho Souza Silva
dmariangela09@yahoo.com.br
Imagem- Mariângela

Quão doce o encontro de si mesmo no mar da vida...
Parece que ao naufragarmos em nosso íntimo
Encontramos a ilha mais misteriosa e encantadora!
Assim somos nós: seres humanos na transformação!

Nunca terminaremos a busca
pois dela resume-se o nosso viver:
Que salta nas veias, liberta-se nos poros e cai como sereno
na alma aprendiz!

Nos sonhos, na realidade,
As espumas do mar envolvem o aprendiz 
Que ressecado pelo interesse de viver melhor
umedece-se de Luz para compreender
O que mais necessita para caminhar no bem...

A cada marinheiro, a sua missão:
Que nunca escapará de seus empenhos
Lapidando seu ser de forma duradoura
A cada amanhecer e cada por de sol!

Assim, ondas virão, ondas voltarão
Murmurando baixinho em nossa consciência
E imprimindo as verdades das aprendizagens
Em nossa alma constante e infinita:
Para com a eternidade, então,
Voarmos mais livres e descomprometidos
Dos erros, das mágoas,das dores...

E no firmamento visível e invisível
Como pássaros livres de nós mesmos
Sobrevoarmos outros tempos, outros seres, outros lares
Nos mares infindos da espiritualidade!

Feliz domingo a todos!

Mariângela  
 
Copyright (c) 2010 VIDA A NASCER!. Design by WPThemes Expert
Themes By Buy My Themes And Cheap Conveyancing.